terça-feira, 26 de abril de 2011

Coca-Cola, Bradesco e MacDonald's financiam PCdoB


O Partido Comunista do Brasil (PCdoB) foi financiado nas eleições de 2010 pela Coca-Cola, pelo Bradesco e pela rede de fast-food norte-americana MacDonald's. Segundo levantamento do jornal Folha de S. Paulo, a Coca-Cola foi quem mais doou ao partido: R$ 550 mil. O Bradesco, por meio do Banco Alvorada, deu ao PCdoB R$ 350 mil. Já o MacDonald's contribuiu com R$ 40 mil. As doações foram dadas ao Comitê Financeiro Único do PCdoB nos estados do Amazonas , São Paulo e Rio de Janeiro. Não é a primeira vez que o PCdoB recebe dinheiro destas empresas. Em 2006, a Coca-Cola doou R$ 235 mil e o Bradesco R$ 60 mil.

Em reportagem publicada no dia 20 de março, a Folha revela também que essas empresas são patrocinadoras das Olimpíadas do Rio-2016 e da Copa do Mundo de 2014, eventos coordenados pelo ministro dos Esportes Orlando Silva, filiado ao PCdoB.

Porém, o presidente nacional do PCdoB, Renato Rebelo, negou ao jornal qualquer relação entre as doações e os eventos esportivos: "Sinceramente, nem sabia quem eram os patrocinadores das Olimpíadas e da Copa". Para Rebelo o motivo das doações é outro: "Não procuramos ninguém por ser patrocinador olímpico. Procuramos quem defende os princípios iguais aos do partido", ressaltou.

Da Redação

Fonte: http://www.averdade.org.br/modules/news/article.php?storyid=819

em 14/04/2011

Um fiel retrato da relação promíscua entre os financiadores de campanha e os partidos políticos. Ou seja, os financiadores mais cedo ou mais tarde irão receber algo em troca, não creio que isso seja feito por pura caridade.

Fazendo um paralelo com o futebol, dias antes de ler essa material fazia uma reflexão sobre a goleada que o Bayen Monique emplacou no Bayer Leverkusen 5 x 1. O time goleado tem no seu elenco o craque Renato Augusto, rubro negro que sou, tenho acompanhado nossa prata da casa. Pois bem, este clube vinha embalado no campeonato alemão na cola do líder Borussia.

Sim. E a relação com o financiamento? Eis, a questão. ]O técnico do time derrotado já tem contrato como o de Monique para a próxima temporada e o sonho de consumo dos clubes europeus é a Champions League. Assim, com a vitória o futuro clube do treinador Jupp Heynckes continuará na disputa por uma vaga na cobiçada Champions.

Talvez seja mera coincidência.





Um comentário:

André Gomes disse...

Já estou seguindo seu blog, e ficarei muitíssimo grato se seguir o nosso blog e sempre fazer uma visitinha.
Se possível gostaria que colocasse nosso link na barra lateral do seu blog.
Parabéns pelo belíssimo trabalho.